• Criar uma Rota de Arte Contemporânea que une as serras de dois países;
  • Promover o desenvolvimento local criando oportunidades de negócio relacionados com a arte, agricultura e biodiversidade, organização de passeios, turismo rural, venda de artesanato e produtos agrícolas, exposições, festivais (bienal de arte ligada a natureza, a arte, a fotografia e a agricultura gerando imagens desta última que sejam atractivas para as camadas mais jovens da população, etc);
  • Promover uma região natural de excelência e a dignidade das populações rurais locais;
  • Unir um território e respectivas populações, sobrepondo a unidade geográfica à administração política, o caminho para a verdadeira integração Europeia;
  • Sensibilizar o público e as populações locais para a arte contemporânea, a agricultura e a biodiversidade;
  • Divulgar artistas contemporâneos locais ligados à natureza, à agricultura e à biodiversidade;
  • Atrair para a Região artistas de renome internacional, os quais por sua vez produzirão obras que serão foco de atração no circuito internacional.
Publicités